Página inicial‎ > ‎INDICE‎ > ‎eb 2,3/S‎ > ‎

REGIMENTO

Agrupamento de Escolas de Almodôvar

 

EB23S Dr. João de Brito Camacho

 

 

 

 

 

 

 

REGIMENTO

 

 da

 

BIBLIOTECA ESCOLAR

 

 

 

 

 

 

 

Novembro / 2007

1.  DEFINIÇÃO

1.1. A Biblioteca Escolar, adiante designada BE, está situada no Bloco C da EB 2,3/S Dr. João de

      Brito Camacho e  é constituída  pelos  seguintes  espaços:  Recepção, Leitura de Documentos

      Impressos,  Leitura  Informal,  Audiovisuais, Multimédia,  Produção  Gráfica,  Tratamento

      Documental  e Arquivo.

 

1.2. A BE está integrada na Rede de  Bibliotecas Escolares  e  presta serviços de índole cultural,

      informativa,  educativa  e  recreativa,  nomeadamente:  empréstimo  de  obras  para  leitura

      domiciliária  ou  para  recurso  em  sala de aula, livre acesso a todos os títulos existentes em

      estante   na   Sala  de  Leitura,  fotocópia  e / ou  reprodução  digital   de  materiais  da  BE,

      visionamento  de  material  áudio  visual  em  suporte  VHS/DVD, utilização de computadores

      para  realização de  trabalhos  e/ou consulta  da  NET,  empréstimo de  periódicos, cedência

      de  espaço  e  de  alguns  materiais   para  produção  gráfica,  apoio  na pesquisa documental,

      animação do espaço…

 

 

2.  UTENTES

2.1.  Os utentes prioritários da BE/CRE são os alunos, os professores e os funcionários da Escola.

 

2.2. Aos restantes membros do Agrupamento de Escolas de Almodôvar será facultado o acesso a todos os serviços disponíveis.

 

2.3. Qualquer membro da comunidade local poderá ter acesso ao fundo documental da BE/CRE mediante autorização do(a) Coordenador(a) da Equipa da BE/CRE.

 

 

3.  HORÁRIO

 # O horário da BE/CRE é definido, no início de cada ano lectivo, pelo Conselho Executivo e pela

          Coordenadora da BE/CRE e afixado nos locais de estilo.

 

 

4.  RECEPÇÃO

4.1. A Recepção é o espaço destinado à consulta de catálogos, do presente Regimento, do Plano de Actividades da BE/CRE e à requisição de obras do fundo documental ou de outros serviços prestados pela BE/CRE.

 

4.2. A Zona de Recepção estará a cargo da(s) funcionária(s) em serviço na BE.

 

 

5.  LEITURA DE DOCUMENTOS IMPRESSOS

5.1.  Na Sala de Leitura encontram-se, em livre acesso, as monografias do fundo documental; este  espaço destina-se à consulta, leitura e realização de trabalhos individuais.

 

5.2. Os utentes que pretenderem frequentar este espaço devem, obrigatoriamente, deixar mochilas ou pastas junto à área de recepção em local reservado para tal.

 

5.3. A Zona de Leitura de Documentos Impressos é constituída por 23 lugares sentados, distribuídos por  várias mesas, de acordo com o número de cadeiras existente em cada uma.

 

5.4. Os utilizadores deste espaço devem adoptar um comportamento adequado de modo a respeitar o decurso dos trabalhos, as indicações da Funcionária e/ou Professores da Equipa da BE e as normas deste regimento.

 

5.5. Para o bom funcionamento das Zonas de Leitura, os docentes interessados em deslocar-se à BE com os seus alunos devem contactar antecipadamente a respectiva Funcionária, uma vez que tais aulas poderão implicar prejuízos a outros utentes; de igual modo, os docentes serão responsabilizados pela forma como decorrem tais actividades, bem como pelo fundo documental consultado e /ou material utilizado; durante estas aulas, os professores contam com o apoio da Funcionária de serviço e, caso seja necessário, de elementos da Equipa docente em funções na BE; no final destas aulas, os professores devem preencher o Livro de Registos de Aulas na BE ou uma ficha equivalente.

 

5.6. Não é permitida a permanência de turmas ou grupos de alunos em tempo lectivo na BE, sem a presença do respectivo professor que deve ter procedido conforme o referido em 5.5; na BE apenas pode permanecer uma turma em cada tempo lectivo.

 

5.7. Após consulta, qualquer exemplar do fundo documental deve ser entregue na Zona da Recepção.

 

 

6. LEITURA INFORMAL  

6.1. A Zona de Leitura Informal é o espaço onde se encontra o fundo documental constituído por

       banda desenhada, revistas, jornais diários e outros periódicos e dossiers temáticos.

 

6.2. A Zona de Leitura Informal comporta 6 lugares sentados.

 

6.3. Os  utilizadores  deste  espaço  devem  adoptar  um  comportamento  adequado  de  modo  a

       respeitar o decurso dos trabalhos de outros utentes.

 

6.4. O fundo documental desta Zona é de consulta livre no próprio espaço da Biblioteca.

 

 

7. AUDIOVISUAIS

        7.1. A Zona dos Audiovisuais é  o  espaço  onde  se pode visionar o fundo documental em suporte

        DVD. Durante os intervalos lectivos não é permitida a consulta do fundo documental da Zona de

        Audiovisuais.

         

        7.2. Os  utentes  interessados  na  consulta  de  DVD  ou  VHS  devem  recorrer aos expositores

               desta    Zona   ou   ao  catálogo  existente  na  Recepção.  Após  boa  requisição,  compete  à

               Funcionária  colocar  e  retirar  as  cassetes  ou  os  DVD.

 

 

 

 

8. MULTIMÉDIA

        8.1. A Zona de Informática/Multimédia é o espaço onde se encontra o equipamento informático,

              constituído por 6 computadores, 2 impressoras e 9 lugares sentados;

 

        8.2. O acesso aos computadores e demais material informático está condicionado pelas

             seguintes situações:

               - existe   um  mapa   para   marcação   prévia   de  utilização   dos  computadores,  junto   da

                 Funcionária;

            - cada computador só pode ser ocupado por um ou dois alunos em simultâneo, excepto

              quando estes estiverem acompanhados por um professor;

              - qualquer utilizador dispõe de trinta minutos (30m) para consulta  na  Internet;  este tempo

                 pode  ser  alargado  pela  Funcionária de serviço, se tal for necessário para a realização de

                 trabalhos;

               - os jogos de computador são permitidos à 4ª feira;

               - na  utilização  dos  computadores será prioritária a realização de trabalhos e/ou pesquisas

                 na NET, em detrimento da sua utilização para fins lúdicos e /ou pessoais.

         

        8.3. Para a utilização do equipamento “Multifunções”, que permite impressão e tratamento de

             imagem a cores, é necessária a presença da funcionária de serviço.

 

 

9. PRODUÇÃO GRÁFICA

        9.1. A Zona de Produção Gráfica é constituída por 6 lugares sentados à volta de uma mesa de

              trabalho, situada junto à Recepção.

 

        9.2. Para  a  realização  de  trabalhos  de  produção  gráfica  a BE terá um conjunto de materiais

               (tesouras, lápis, réguas, etc) que poderão ser requisitados junto da funcionária de serviço.

 

      9.3. A BE dispõe de uma fotocopiadora  (preto  e  branco)  e de  uma  impressora  multifunções

             (cores).

 

      9.4. Só é possível a reprodução de documentos do fundo documental da BE.

 

      9.5. A utilização do equipamento de reprodução gráfica é  feita  pela  Funcionária  de  serviço  e

             está condicionada pela sua disponibilidade, pelo que a requisição de reproduções deverá ser

             realizada com vinte e quatro horas (24h) de antecedência.

 

 

10.EMPRÉSTIMO DO FUNDO DOCUMENTAL DA BE/CRE

      10.1. As  requisições  para  consulta  no  exterior  da  BE  são   feitas   junto  da  funcionária  da

              Recepção.

 

      10.2. As  enciclopédias,  dicionários  e  obras de  referência     podem  ser  requisitadas  para

               consulta no exterior, mediante autorização do(a) Coordenador(a) da BE.

 

      10.3. Todas as requisições  para consulta  no  exterior  da  Biblioteca  são  registadas em fichas

               individuais.

 

      10.4. O limite de requisições simultâneas para consulta no exterior da BE é  de três exemplares

               para monografias e de um para suportes em VHS, DVD ou CD.

 

     10.5. O limite de tempo em que os títulos podem estar requisitados para  consulta  domiciliária  é

                de   duas   semanas  para  monografias  e  de  quarenta e oito horas (48h) VHS, DVD ou CD;

                após    este   limite,  as  obras  terão   de   ser   devolvidas,  podendo   nalguns   casos,   ser

                renovada a sua  requisição.

 

     10.6. Qualquer renovação de uma requisição para consulta domiciliária referida no ponto anterior

               poderá  ser  efectivada  se  não existir  nenhum  pedido  pendente  por  parte de outro

              utente da BE.

 

     10.7. O limite máximo de  renovações  de  requisições  consecutivas  para cada exemplar é de um

              período lectivo.

 

     10.8. A requisição de dicionários para utilização em sala de aula só pode ser feita pelo respectivo

             professor que os deve devolver no final da mesma. De igual  modo,  a  requisição  de  títulos

             para utilização temporária na sala de aula ou na biblioteca de turma  é  da  responsabilidade

             do respectivo professor.

 

11.PENALIZAÇÕES

11.1. Quando o material requisitado não for devolvido no tempo previsto no presente regimento,

        o  utente  ficará  impedido  de  requisitar  ou  utilizar  qualquer  outro,  até  regularizar  a

        sua situação.

 

11.2. No caso de extravio  de  qualquer  obra, o  requisitante terá de repor um exemplar idêntico

        ou pagar a sua substituição, ao preço em vigor na data do extravio.

 

11.3. É considerado extravio a não devolução do material requisitado num  prazo  correspondente a cinco vezes (5X) o prazo estabelecido para requisição no presente regimento, desde que isto não ultrapasse o final do terceiro período.”

 

11.4. Os  utentes  que,  depois  de  avisados,  não  acatarem  as normas  deste  regulamento  ou

         Perturbarem  o bom  funcionamento  da BE com comportamentos desadequados, podem ser

         alvo  de  penalização (impedimento temporário no acesso aos espaços da BE ou aos serviços

         desta)  ou  participação  disciplinar   (apresentada  ao  Conselho  Executivo)  por  parte  de

         qualquer membro da Equipa da BE.

 

12.VIGÊNCIA DO REGULAMENTO

v  O presente regulamento estará em vigor por tempo indeterminado, devendo ser revisto no início de cada ano lectivo e/ou sempre que necessário. As alterações devem ser aprovadas em Conselho Pedagógico, mediante proposta da Equipa da BE.

 

 

Almodôvar, Novembro/07                                                                A Coordenadora da Equipa da BE
Comments