PLANO DE ACÇÃO 2009/2013

 
Agrupamento de Escolas de Almodôvar

 

 

 

 

 

 

 

PLANO DE ACÇÃO da BIBLIOTECA ESCOLAR

 

2009/10 a 2012/13

 

Dezembro /09

As Professoras Bibliotecárias

Ana Prata Lucília Barôa

Introdução

 

            Ao ser-nos solicitado um documento com este título, procurámos informação sobre os elementos que nele devem constar. Tomando como referência a última versão do Modelo de Auto-Avaliação da Biblioteca Escolar (Novembro/09), retirámos as seguintes informações (páginas 73 e 74):

- o plano de acção deve ser elaborado em consonância com o relatório final anual da auto-avaliação;

- o plano deve incluir áreas prioritárias de actuação, objectivos, acções, intervenientes, recursos, calendarização e monitorização.

            Tomando em consideração os elementos que devem compor o plano, concluímos que coincidem com a estrutura do Plano Anual de Actividades da BE que habitualmente fazemos – o do corrente ano lectivo foi elaborado em Setembro, encontra-se aprovado pelo Conselho Pedagógico e faz parte do Plano Anual de Actividades da Escola.

Por outro lado, diz-se que o Plano decorre do relatório de auto-avaliação (que ainda não realizámos de acordo com o Modelo).

Perante estes condicionalismos e tendo em consideração os pontos fortes e fracos, apresentamos um Plano de Acção visando a melhoria do funcionamento e dos serviços da BE ao longo de 4 anos, sujeito a futuras rectificações, à medida que formos aplicando e interiorizando o Modelo nas nossas práticas…

Para cada ano lectivo, considerámos apenas um domínio (que será alvo de auto-avaliação). No entanto, a BE continuará a desenvolver actividades nos restantes domínios! As acções mencionadas são aquelas que, à partida, nos parecem prioritárias por poderem conduzir à melhoria.

Por último, citamos do Projecto Educativo de Escola dois objectivos que considerámos prioritários:

  1. A mobilização de todos os recursos para a melhoria dos níveis de sucesso escolar e educativo de todos os alunos;
  2. A orientação para uma progressiva mudança das práticas pedagógicas, introduzindo momentos de reflexão/acção e elementos de inovação, através de uma pedagogia diferenciada e de um trabalho cooperativo -ao nível dos docentes, sobretudo, nos conselhos de turma, e dos alunos.

 

 

Ano lectivo

Áreas de intervenção

Acções prioritárias

Domínio

Sub-domínio

2009/10

D. Gestão da BE

D.1. Articulação da BE com a Escola.

        Acesso e serviços prestados pela BE

 

D.2. Condições humanas e materiais

 

D.3. Gestão da colecção/informação

Rever os documentos que estabelecem o papel da BE na escola.

Realizar um workshop com os membros do Conselho Pedagógico para discutir a missão e a avaliação da BE.

Implementar o processo de auto-avaliação da BE nas suas diferentes etapas, desde a adaptação dos instrumentos de avaliação até à integração da auto-avaliação da BE na auto-avaliação da Escola.

Divulgar os resultados da auto-avaliação junto da Direcção.

Manter diálogo constante com a Direcção, partilhando dificuldades e sucessos.

Estabelecer um plano de marketing da BE.

Criar um ambiente acolhedor, propício à fruição do espaço e ao estudo.

Reorganizar o espaço.

Garantir a abertura da BE num horário alargado.

Divulgar o fundo, os recursos e as actividades da BE, recorrendo a diferentes meios e ambientes, nomeadamente da WEB.

Produzir conteúdos e instrumentos que fomentem o acesso e uso da colecção com recurso a suportes digitais.

Promover exposições e divulgar trabalhos.

Sugerir e planear projectos com os docentes.

Promover a BE como pólo cultural.

Apoiar os utilizadores.

Articular os objectivos da BE com os da Escola.

Inventariar necessidades funcionais da BE e dos utilizadores, através da avaliação anual da colecção e da consulta aos utilizadores.

Elaborar um documento de política de gestão da colecção.

Afectar verbas para a BE.

Melhorar o fundo através de parcerias com a Biblioteca Pública.

Aprofundar os conhecimentos pessoais.

Articular com a equipa PTE.

2010/11

A. Apoio ao desenvolvimento curricular

A.1. Articulação curricular da BE com as estruturas de coordenação educativa e supervisão pedagógica e os docentes

A.2. Promoção das literacias da informação, tecnológica e digital

Promover acções informais de formação sobre a BE junto dos docentes.

Apresentar aos docentes sugestões de trabalho conjunto em torno de temas, em particular com os responsáveis pelas ACND.

Promover projectos com o SAE.

Articular o Plano de Actividades da BE com os diversos projectos em curso na escola.

Gerir “maletas pedagógicas” para OTE.

Aumentar o nível de formação da Equipa.

Participar na lista RBE para partilha de materiais.

Produção de guiões de formação dos utilizadores ao nível das várias literacias.

 

2011/12

B. Leitura e literacia

Avaliar periodicamente a colecção para suprir necessidades.

Identificar interesses dos alunos.

Promover actividades de leitura em voz alta ou animações que motivem para a leitura - Clube de Leitura.

Promover obras literárias ou de divulgação.

Desenvolver parcerias com a Biblioteca Pública.

Promover e coordenar o PNL.

Convidar especialistas ou escritores.

Desenvolver projectos de promoção da leitura com os vários departamentos.

Promover a leitura recreativa.

 

 

 

 

 

 

 

 

2012/13

C. Projectos, parcerias e actividades livres e de abertura à comunidade

C.1. Apoio a actividades livres, extra-curriculares e de enriquecimento curricular

C.2. Projectos e parcerias

Reforçar articulação com Estudo Acompanhado.

Solicitar o envolvimento dos pais na promoção de eventos.

Melhorar a zona de leitura informal.

Incentivar leitura recreativa em tempo de férias.

Desenvolver parcerias com a Biblioteca Pública.

Promover encontros entre as BE da zona visando trabalho colaborativo.

Criar uma comunidade de leitores com os Pais.

Organizar feiras do livro.

Analisar possibilidade de trabalho conjunto com o CNO.

 

 

 

 

Nota: O Plano de Acção acima apresentado é referente à Biblioteca Escolar da EB2,3SDr. João de brito Camacho.

 

 

 

 

O Plano de Acção abaixo apresentado é referente à Biblioteca Escolar/ Centro de Recursos Educativos da EB1 e Jardim de Infância de Almodôvar

 

Ano lectivo

Áreas de intervenção

Acções prioritárias

Domínio

Objectivos

2009/10

B. Leitura e Literacia

Promover a leitura e as literacias

 

 

 

  -Dinamizar actividades/projectos em articulação com as várias estruturas pedagógicas, com o Plano Nacional de Leitura e Rede e Bibliotecas Escolares.

  -Preparar, promover, desenvolver actividades variadas de animação à leitura.

-Assegurar o envolvimento dos alunos em actividades de leitura.

-Assegurar o envolvimento dos Pais/EE em actividades de leitura.

- Promover a leitura recreativa.

-promover o diálogo informal com as crianças e os jovens utilizadores da BE/CRE.

-Apresentar diligentemente os recursos de leitura existentes na biblioteca.

-Utilizar a WEB e outras fontes de informação na prospecção e identificação de material do interesse das crianças e jovens.

-Inventariar necessidades em termos de livros e outros recursos

- Encontrar parcerias com a BM ou com outras instituições.

- Sensibilizar a escola para a importância da leitura como suporte e progressão das aprendizagens.

-Produzir instrumentos de apoio para docentes e alunos.

-Trabalhar articuladamente com departamentos e docentes.

- Melhorar a oferta de actividades de promoção da leitura e de apoio ao desenvolvimento de competências no âmbito da leitura, da escrita e das literacias.

-Promover o diálogo com os docentes no sentido de garantir um esforço conjunto para que o desenvolvimento de competências de leitura, estudo e investigação sejam adequadamente inseridos nos diferentes currículos e actividades.

-Dialogar com os alunos com vista à identificação de interesses e necessidades no campo da leitura e da literacia.

 

2010/11

A. Apoio ao desenvolvimento curricular

Desenvolver a articulação curricular da Biblioteca com as estruturas pedagógicas e os docentes

 

Promover o Desenvolvimento da Literacia da Informação

- Fazer o levantamento periódico com os docentes das oportunidades de colaboração com a BE, de acordo com as suas planificações e currículos.

- Organizar com os docentes o apoio da BE aos alunos nas Áreas de Projecto.

-Organizar dossiers temáticos.

-Organizar acções informais e/ou formais de esclarecimento sobre a biblioteca junto dos docentes.

- Disponibilizar e divulgar recursos adequados aos diferentes projectos de cada turma.

 

 

-Produzir materiais didácticos.

-Elaborar guiões de vários tipos a disponibilizar a alunos e professores.

- Estabelecer contactos com as escolas das freguesias a partir da WEB.

- Dinamizar sessões de formação para utilização autónoma da BE, para uso do catálogo e para uso da informação

- Promover sessões de formação em literacia da informação para alunos e docentes interessados.

 

 

 

2012/13

C. Projectos, parcerias e actividades livres e de abertura à comunidade

Apoiar actividades livres, extracurriculares de enriquecimento curricular

 

 

Desenvolver projectos e parcerias

-Manter um horário coincidente com o horário da Escola.

-Reforçar a articulação com a Área de Apoio ao Estudo.

-Agendar com os alunos actividades de apoio por eles solicitado.

-Incentivar a leitura recreativa em tempo de férias.

-Organizar feiras do livro.

 

 

 

 

 

- Participar em reuniões concelhias da Rede de Bibliotecas Escolares.

-Desenvolver actividades de articulação com os demais parceiros da RBE do Concelho, ou da zona, visando o trabalho colaborativo.

-Desenvolver parcerias com a Biblioteca Pública.

- Envolver os Pais/Encarregados de Educação em algumas actividades da BE/CRE.

- Desenvolver projectos de valorização do espaço da BE/CRE, em parceria com os professores e alunos.

 

 

D. Gestão da BE

Contribuir para uma gestão mais eficiente da BE

 

Integrar a Biblioteca na Escola

 

 

Assegurar melhores condições humanas e materiais para a prestação de serviços

 

Valorizar a BE

 

 

 

Assegurar uma boa gestão da Colecção

 

 

 

 

 

 

 

 

-Inserir a BE nos documentos do agrupamento: Missão da BE, princípios e objectivos.

-Actualizar o Regimento da Biblioteca

-Elaborar o Plano de Acção da Biblioteca.

-Implementar o Modelo de Auto – Avaliação das BE.

 

-Manter os equipamentos informáticos a funcionar adequadamente e proceder à necessária actualização de programas.

-Conseguir pelo menos um outro PC para a BE/CRE.

-Conseguir apoio humano e material para a BE/CRE.

 

 

 

 

-Dialogar com a Direcção Executiva.

-Desenvolver o marketing da BE

 

 

-Conseguir apoio da Biblioteca Municipal para actualização do catálogo informatizado da BE/CRE.

- Colaborar na implementação de um catálogo concelhio.

-Implementar canais diversos de difusão da informação para o exterior: Recurso à lista de emails; elaborar e manter uma página ou blogue da Biblioteca

Comments